• Apresentações
  • Quinta a sábado, 19 a 21 de Julho de 2018, entre as 21.30 e as 22.30

    arca

    (Helena Tavares, André Maranha, Gonçalo Ferreira de Almeida, João Rodrigues e Maria Duarte)

     

    .

    O trabalho do Projecto Teatral passa, habitualmente, por uma economia de meios que nem deixa nada ao acaso, nem inclui o que for que não seja estritamente necessário. Muito mais do que um imperativo estético, este critério é apenas a face mais visível de um conjunto de opções totalmente empenhadas em dispersar o supérfluo e em concentrar a atenção do espectador. Recaia ela sobre um corpo, um gesto, um rito ou um fenómeno, a atenção do visitante é sempre conduzida ao estado de uma intensificação que resulta, com frequência, em experiências de recorte imanente, como se fruto de uma liturgia secular.

    Arca (2017) não se desvia deste caminho. E é apropriado que assim seja: o facto de esta ser a última apresentação do NEGÓCIO a ter lugar na antiga cavalariça da Rua d’O Século encontra um eco particular na estrutura contingente e primária que faz o corpo desta peça. Que dentro dela, na sua zona mais recolhida, se vislumbre um vulto que desvela um gesto, é um dado que sublinha, na forma mais sintética, essa potência de actuar que é a força de todo o palco e essa pulsão de ver que congrega todo o público. No interior de Arca, uma acção exemplar a projectar-se em forma de sombra sobre a memória de um teatro que ali vai deixar de ser.

     

     

    .

     

    arca (2017)

    um trabalho do projecto teatral

    (Helena Tavares, André Maranha, Gonçalo Ferreira de Almeida, João Rodrigues e Maria Duarte)

    .

    Co-produção projecto teatral, Fundação de Serralves e La Ferme du Buisson.

     . 

    Quinta a sábado, 19 a 21 de Julho de 2018, entre as 21.30 e as 22.30

    NEGÓCIO: Rua de O Século nº9, porta 5

     .

     

    Entrada Livre

     

    www.projectoteatral.pt

    .

    tel: 213430205 | www.zedosbois.org

    .

     

    A ZDB é uma estrutura financiada pelo Governo de Portugal/Secretaria de Estado da Cultura/DGArtes. Com o apoio da C.M.L